Presidente do Cruzeiro explica contratação de Belletti e projeta aproximação com Barcelona
Belletti assistou ao empate do Cruzeiro com o CRB, na última segunda (Foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A. Press)

Sérgio Santos Rodrigues confirmou a contratação de Belleti para o cargo de diretor de relações internacionais do Cruzeiro. Em vídeo divulgado pelo departamento de comunicação do clube, o mandatário explicou o motivo pelo qual convidou o ex-jogador e também detalhou quais serão suas funções pela Raposa.

“Ele terá função não só de captar recursos, mas de ampliar as parcerias institucionais e possibilidade que o clube traga dinheiro de fora para o clube. Ele se preparou fazendo curso de técnico, também, acho que isso é importante para ajudar a desenvolver essas parcerias internacionais no âmbito técnico”, disse.

Sérgio também destacou o fato de Belleti ser embaixador do Barcelona, da Espanha, clube que defendeu durante a carreira como jogador. O presidente celeste projetou uma aproximação. “Ele é embaixador do Barcelona, com contrato em vigor, o que não o impede de ser um diretor nosso. Acho que nos ajuda a aproximar dessa instituição, que é uma grande referência de base e exploração de marca”, projetou.

Juliano Belletti, de 44 anos, encerrou a carreira no Fluminense em 2011. Entre 2012 e 2016, foi comentarista do SporTV. Além de ser empresário e palestrante, ele é embaixador global do Barcelona, clube pelo qual fez história ao conquistar, dentre outros títulos, a Liga dos Campeões 2005/06.

Nos últimos anos, Belletti escolheu Belo Horizonte para viver com a família.

Natural de Cascavel, no Paraná, Belletti chegou ao Cruzeiro em1992 para integrar as categorias de base. Por muito tempo, morou na Toquinha, alojamento destinado aos jovens em formação na Toca da Raposa I. Embora tenha iniciado sua trajetória no futebol como goleiro de futsal, no clube ele despontou como atleta versátil e atuou como volante e lateral-direito.

Belletti fez cinco gols em 62 jogos pelo profissional do Cruzeiro, entre 1994 e 1996, e conquistou quatro títulos: Copa Master e Copa Ouro, em 1995, e o Mineiro e a Copa do Brasil de 1996. Em seguida, transferiu-se para o São Paulo ao lado do lateral-esquerdo Serginho numa transação que rendeu à Raposa cinco reforços: o zagueiro Gilmar, o lateral-direito Vitor, o volante Donizete Oliveira, o meia Palhinha e o atacante Ailton.

Como profissional, Belletti ainda vestiu as camisas de Atlético, Villarreal, Barcelona, Chelsea e Seleção Brasileira. Ele foi campeão mundial com o Brasil na Copa do Mundo de 2002, na Coreia do Sul e no Japão.

Estado de Minas

× Como posso te ajudar?
%d blogueiros gostam disto: