O Grupo Especializado em Prevenção Ostensiva Rápida (GEPMOR) da Polícia Militar pode ter evitado um homicídio ao prender uma dupla que estava em uma XRE, na Rua Francisco Osório Menezes, no Bairro Campestre, em Itabira. Os militares apreenderam com um dos suspeitos uma pistola calibre 380. O fato aconteceu por volta das 15h30min de sábado, 18 de janeiro de 2020.

***Foto PMMG

Segundo informações, os policiais durante o patrulhamento depararam com dois suspeitos montados em uma motocicleta Honda XRE 300, de cor preta. O piloto ao perceber a presença da polícia tentou fugir, mas acabou sendo abordado no Alto dos Pinheiro.

Durante a busca pessoal, foi encontrada na cintura do homem, de 23 anos, que estava na garupa da motocicleta, uma pistola semi-automática, de calibre 380, carregada com dez munições intactas, já com o piloto, de 21 anos, nada ilícito foi encontrado.

Os policiais, durante averiguação, perceberam que a placa de identificação da motocicleta estava adulterada e em consulta no Sistema de Informações da Polícia Militar constataram que a XRE foi furtada na cidade de Rio Piracicaba. O piloto, ao ser questionado pelos militares, afirmou que havia adquirido o veículo em Belo Horizonte pelo valor de R$ 1.500,00 e acabou preso por suspeita de receptação.

O homem, que estava com a arma, ao ser questionado sobre o motivo pelo qual estava armado, disse para os policiais que iria cometer um homicídio contra um desafeto que seria de uma quadrilha rival. Segundo a polícia, os dois detidos são conhecidos no meio policial por envolvimento com uma quadrilha que domina o tráfico de drogas no Bairro Nova Vista.

Diante do fato, a motocicleta recuperada foi encaminhada ao pátio credenciado onde será vistoriada e posteriormente restituída ao proprietário. Os presos foram entregues na delegacia de Polícia Civil onde foram autuados em flagrante pelo delegado de plantão.

Thales Benício – Caraça FM 90.5

× Como posso te ajudar?
%d blogueiros gostam disto: