Policiais militares, por volta das 16h de quarta-feira, 22 de janeiro de 2020, conseguiram retirar de circulação mais uma arma de fogo. Um homem, de 22 anos, conhecido como “Sarapó”, que havia acabado de sair do presídio, acabou preso novamente, desta vez por suspeita de porte ilegal de arma de fogo.

Segundo informações, os militares durante o patrulhamento pela Travessa João Camilo de Oliveira Torres, no Bairro Juca Rosa, em Itabira, depararam com dois homens montados na motocicleta Honda NXR 160 Bros, de cor azul, placa QNK-7776, em atitudes suspeitas, transitando pela contramão de direção.

Os policiais deram ordem de parada ao piloto que tentou fugir, mas acabou caindo com o veículo. O suspeito que estava na garupa da motocicleta, saiu correndo, mas acabou sendo detido. Os militares informaram que na tentativa de fuga, ele deixou cair um revólver, calibre 32, que estava carregado com seis munições intactas.

Diante do fato, “Sarapó”, que havia acabado de receber o benefício de saída temporária do presídio, foi preso por suspeita de porte ilegal de arma de fogo.

O piloto da motocicleta, de 31 anos, disse aos policiais que trabalha como moto-taxista e não sabia que o cliente estava armado, porém ele teve a sua carteira de habilitação apreendida e foi preso por suspeita de praticar direção perigosa na tentativa de fugir dos militares.

A motocicleta foi apreendida e rebocada para o pátio credenciado. A ocorrência foi encerrada na delegacia de Polícia Civil onde os dois presos foram apresentados ao delegado de plantão para futuras providências judiciais.

Thales Benício – Caraça FM

× Como posso te ajudar?
%d blogueiros gostam disto: