O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira (14/1) que o valor do novo salário mínimo será de R$ 1045,00. O valor foi alterado para recompor a inflação do ano passado. O valor do piso terá um ganho de R$ 6, passando dos R$ 1.039 fixados anteriormente para R$ 1.045. Com a decisão, o governo recompõe totalmente a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Mercado (INPC), que fechou o ano passado em 4,48%. A mudança vale a partir do dia 1 de fevereiro e será feita através de uma nova Medida Provisória (MP).

O chefe do Executivo se reuniu com o ministro da Economia no edifício da pasta para discutir os detalhes da mudança.

“Foi uma reunião tranquila, coordenada pelo Paulo Guedes, tivemos uma inflação atípica em dezembro, não espera que fosse tao alta assim mas foi em virtude basicamente da carne e tínhamos que fazer com que o valor do.minio fosse mantido. Então ele passa via Medida Provisória de 1039 para 1045 a partir de 1 de fevereiro”, apontou o presidente.

O mandatário do país explicou que um Projeto de Lei não seria votado a tempo por conta do recesso dos parlamentares. “Tem que ser uma nova MP. A partir de 1 de fevereiro um PL não atingiria, não seria votado”. Questionado se as duas MP’s seriam mantidas, ele afirmou: ” Isso é questão de técnico legislativo. Mantêm e tem essa outra aí. Vão correr juntas. O relator lá deve ser o mesmo e ele faz o devido acerto”, concluiu Bolsonaro.

× Como posso te ajudar?
%d blogueiros gostam disto: