Morreu na madrugada desta segunda-feira o pai do goleiro Victor, José Bagy, aos 75 anos. Ele estava internado na UTI do Hospital Nossa Senhora das Graças, de Presidente Prudente, há mais de duas semanas. A causa da morte não foi informada.

O velório ocorre no Memorial Ramires, na Rua João Toledo, 49, na cidade de Santo Anastácio-SP, onde morava com a mulher, Neusa Vidoto Bagy. O sepultamento será às 17h desta segunda-feira. Além de Victor, José Bagy deixa dois filhos: Vivian e Ricardo.

O Atlético prestou solidariedade nas redes sociais: ., em nome da torcida e de todo o clube, nossos sentimentos pelo falecimento do seu pai.

Victor manteve o assunto longe da imprensa até a decisão do Campeonato Mineiro. Quando o Atlético se sagrou campeão, o goleiro dedicou o título ao pai.
Emocionado, Victor falou sobre o momento delicado que o pai vivia: “É uma coisa que eu procurei não falar, meu pai está há duas semanas na UTI internado, só ele e Deus para me dar forças para fazer meu melhor em campo. Dedico esse título a todo sofrimento que meu pai e minha família vem passando, quero agradecer à minha família, a Deus, meus irmãos, não é fácil esse momento, mas tenho certeza que ele está orgulhoso”, afirmou.

Estado de Minas

Comentarios

Comentarios