Nesta semana em que a Lei Maria da Penha completou 12 anos, policiais militares têm intensificado a Patrulha de Prevenção à Violência Doméstica fazendo visitas às recentes vítimas desta prática criminosa e na tarde de ontem (8), quarta-feira, cumpriram um mandado de prisão na Rua 14 do Bairro Santa Ruth em Itabira, aonde o jovem F.L.D.M, de 24 anos, acabou preso.

Segundo a polícia, o mandado de prisão em desfavor do jovem foi expedido por uma juíza do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) decorrente a violência domestica que teria sido praticada pelo suspeito.

F.L.D.M já vinha sendo monitorado pelos policiais e chegou a desobedecer a ordem judicial de se manter uma distância da vítima, uma mulher de 22 anos. O jovem é acusado de perseguir a sua ex-namorada, chegando ao de ponto de agredir e ameaçar a vítima que registrou algumas ocorrências referentes aos casos.

Após o registro da ocorrência, F.L.D.M foi encaminhado para a delegacia de Polícia Civil e em seguida levado para o Presídio de Itabira, aonde vai permanecer a disposição da justiça.

Comentarios

Comentarios