Após vencer o São Paulo no Independência, o Atlético terá outro compromisso diante de sua torcida. Agora, o desafio é contra o Atlético-PR. As equipes se enfrentam nesta segunda-feira, às 20h. A partida fechará a 24ª rodada do Campeonato Brasileiro.
O time alvinegro tenta diminuir a distância para os líderes da competição. Na sexta posição, o Atlético soma 38 pontos – 11 a menos que o primeiro colocado Internacional e três atrás do Grêmio, que está no quinto lugar. Caso vença, o Galo poderá avançar na tabela de classificação. Na ocasião, o Alvinegro levaria vantagem em relação ao Tricolor gaúcho no número de vitórias (12 a 11).
A missão do Atlético-PR, por outro lado, é se afastar cada vez mais da zona de rebaixamento. O time paranaense está na 13ª colocação, com 27 pontos, três a mais que o Sport, primeiro time a integrar o Z4. Após vencer quatro jogos seguidos, o Furacão conseguiu sair do grupo dos quatro últimos. Na rodada passada, entretanto, a sequência vitoriosa teve fim com a derrota para o Palmeiras, no Allianz Parque.
Para o duelo desta noite, o técnico Thiago Larghi não poderá contar com o lateral-direito Emerson, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Patric, titular em 29 partidas do Atlético na temporada, será o substituto. O treinador elogiou a experiência e a dedicação de seu reserva e pediu à torcida que apoie o jogador para ajudá-lo em campo.
“O Patric é um grande jogador também, um líder dentro e fora de campo. Se empenha demais nos treinamentos e tem nossa confiança. Peço que a torcida o apoie, dê moral para que a coisa positiva vire para o lado dele. É um grande jogador, com bom histórico e experiência. Vem para somar para conseguirmos mais uma vitória”, disse Larghi.
Por outro lado, o volante Elias volta a ser opção depois de cumprir dois jogos de suspensão por punição do STJD. O jogador também esteve entre os 11 iniciais em 29 partidas na temporada. Ainda assim, Larghi não confirmou a volta do camisa 8, que pode entrar na vaga de Matheus Galdezani. Caso a escolha seja pela saída de Tomás Andrade, Galdezani pode atuar mais avançado em campo.
“Gosto bastante do Elias, ele produz muito pelo time, é uma jogador que defende e ataca. Ficamos felizes com o retorno dele e a possibilidade de colocá-lo em campo”, afirmou o comandante alvinegro, que levará o mistério no meio-campo até momentos antes da partida.
Atlético-PR
O Atlético-PR terá dois desfalques confirmados para enfrentar seu xará no Independência. O lateral-esquerdo Renan Lodi e o volante Wellington estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Márcio Azevedo e Bruno Guimarães devem ser os respectivos substitutos.
O meia Raphael Veiga retorna ao time após ter ficado de fora contra o Palmeiras, por razões contratuais, já que pertence ao time alviverde. Ele entrará na vaga de Bruno Nazário, que sofreu uma ruptura no ligamento cruzado anterior do joelho e só voltará a jogar em 2019.
Na zaga, Paulo André e Thiago Heleno estão à disposição do técnico Tiago Nunes. No entanto, ele já sinalizou que deverá manter a dupla Zé Ivaldo e Léo Pereira.
No departamento médico, o atacante Marcelo Cirino segue se recuperando de uma lesão na coxa.
ATLÉTICO X ATLÉTICO-PR
Atlético
Victor; Patric, Leonardo Silva, Iago Maidana e Fábio Santos; Adilson; Luan, Matheus Galdezani, Cazares e Tomás Andrade (Elias); Ricardo Oliveira
Técnico: Thiago Larghi
Atlético-PR
Santos; Jonathan, Zé Ivaldo, Léo Pereira e Márcio Azevedo; Bruno Guimarães, Lucho González e Raphael Veiga; Marcinho, Nikão e Pablo
Técnico: Tiago Nunes
Motivo: 24ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: Independência, em Belo Horizonte
Dia e horário: segunda-feira, 10 de setembro de 2018, às 20h
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (FIFA/SP)
Assistentes: Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (FIFA/SP)
Estado de Minas

Comentarios

Comentarios